Produção Intelectual dos Ministros do STJ - Lista por Autor


Ir para: 0-9 A B C D E F G H I J K L M N O P Q R S T U V W X Y Z

ou entre com as primeiras letras:  
Resultados 1-20 de 231  Próximo >


Martins, Humberto Eustáquio Soares (2005)
Identifica o Brasil e até mesmo o Nordeste, como vulneráveis a uma nova crise no abastecimento de energia, que talvez possa causar prejuízos como os que ocorreram no governo anterior. Alerta que pelas mais diversas razões o Governo Federal não está realizando ou está adiando obras que poderiam reduzir ao mínimo as possibilidades de que isso volte a acontecer. Avalia que diversificar a geração energética e realizar obras que reduzam as possibilidades de colapso são os caminhos que a administração federal precisa trilhar. Finaliza analisando o contexto de prioridades onde o abastecimento energético é de vital importância para viabilizar o desenvolvimento sócio-econômico do país, com reflexos sociais, oportunizando novos empregos com melhoria na qualidade de vida.
Outros


Martins, Humberto Eustáquio Soares (2023)
Discurso

Martins, Humberto Eustáquio Soares (2014)
Capítulo de livro


Martins, Humberto Eustáquio Soares (2006)
Trata da angústia provocada pelos recentes episódios de violência em São Paulo afirmando que a reversão dessa situação só será possível com decisões políticas e administrativas que reflitam os sentimentos e anseios da coletividade. Explica o que cada Poder dentro de sua área pode fazer: o Executivo, priorizar nos orçamentos a solução das questões que digam respeito à segurança, tais como aumento e aperfeiçoamento das polícias, do Ministério Público e do sistema penitenciário; no Legislativo, aprovação de leis que agilizem o andamento dos processos e garantam o cumprimento das penas; e no Judiciário, desenvoltura e disposição para atuar de maneira eficaz e ágil, atendendo assim a demanda da comunidade.
Outros

Martins, Humberto Eustáquio Soares (05-10-1988)
Artigo de jornal

Martins, Humberto Eustáquio Soares (2005)
Comenta a morte do empresário José Aprígio Brandão Vilela, aos 55 anos de idade, ocorrida há alguns dias, em São Paulo, onde se submetia a tratamento contra a insidiosa doença que o acometia. Fala do seu espírito conciliador, da sua generosidade e notável capacidade de trabalho. Faz um breve relato de sua vida exemplar, filho do velho senador Teotônio Vilela, ele atuou na atividade empresarial com o mesmo entusiasmo que marcou os históricos passos do saudoso político alagoano na cena nacional. Encerra as breves palavras, afirmando que Alagoas está de luto, e que todos, inspirados no seu exemplo, prosseguirão no caminho que ele trilhou ao longo de uma vida plena de êxitos que só a morte conseguiu interromper.
Outros

Martins, Humberto Eustáquio Soares (2006)
Diferencia os que apóiam e os que combatem a Área de Livre Comércio das Américas (ALCA) como sendo basicamente uma questão de mentalidade. Aborda a questão do país, que ao se isolar, estaciona, reduz drasticamente seu comércio, não assimila os progressos feitos pelos demais, não progride em compasso com a necessidade de gerar postos de trabalho suficientes para o sustento de sua população. Exemplifica com alguns países que tiveram seu crescimento econômico e desenvolvimento social ao exigir livre acesso para seus produtos. Menciona o caso brasileiro, onde a disponibilidade de terra, o clima favorável e a existência de mão de obra propiciam condições para crescente produção e exportação de produtos agrícolas, carnes e o setor mineral.
Outros

Martins, Humberto Eustáquio Soares (2005)
Critica a carga tributária brasileira por estar passando dos limites suportáveis. Repreende também a argumentação dos mentores da política econômica do governo, responsáveis por esse estado de coisas, que dizem que essa situação é necessária para enfrentar principalmente o pagamento de juros do colossal endividamento externo e interno brasileiro. Ressalta, por fim, que a carga tributária brasileira está na verdade, além do suportável, inviabilizando o desenvolvimento nacional.
Outros

Martins, Humberto Eustáquio Soares (2005)
Comenta a influência dos Estados Unidos, em relação as crises venezuelana e boliviana: na Venezuela, um golpe de Estado articulado pelos setores mais conservadores, depôs o presidente eleito; na Bolívia, setores do campesinato, rebelaram-se contra o governo Gonzalo Sánchez de Lozada, episódios, que revelam uma transferência para a América do Sul do eixo das grandes decisões internacionais que dizem respeito a esta parte do mundo, ao contrário do que acontecia no passado, quando os norte-americanos decidiam o que devia ser feito, e quando devia ser feito, na América do Sul. Conclui afirmando que os governos do Brasil e da Argentina, legitimamente eleitos, afinados em matéria de política internacional, inviabilizam, de agora em diante, a velha política de jogar país contra país, posta em prática durante tanto tempo, e que hoje, a América do Sul vive um novo tempo, com novas decisões internacionais.
Outros

Martins, Humberto Eustáquio Soares (2023)
Capítulo de livro

Martins, Humberto Eustáquio Soares (2021)
Capítulo de livro

Martins, Humberto Eustáquio Soares; Oliveira, Hertha Helena Rollemberg Padilha de (2019)
Apresentação

Martins, Humberto Eustáquio Soares (2022)
Apresentação

Martins, Humberto Eustáquio Soares (2015)
Apresentação

Martins, Humberto Eustáquio Soares (2023)
Apresentação

Martins, Humberto Eustáquio Soares (2021)
Apresentação


Resultados 1-20 de 231  Próximo >