TítuloProcesso de conhecimento
Autor(es)Andrighi, Fátima Nancy
Data de publicação1995
ResumoRelata que a nossa organização judiciária merece um particular cuidado por parte dos tribunais opondo à má organização da Justiça uma organização judiciária estruturalmente sólida e operacionalmente ágil; à magistratura despreparada dê-se um contínuo e vigilante trabalho de aperfeiçoamento e especialização, através da Escola Judicial, com especial ênfase no recrutamento de juízes; à legislação atribua-se um trato de modernização, adequando-a às necessidades, visando à efetividade do processo como o caminho mais curto em busca da Justiça. Comenta as inovações introduzidas no CPC e, mais especificamente, no Processo de Conhecimento. Ressalta a conciliação, prevista no CPC e também embasada na bem sucedida experiência vivenciada pelos Juizados de Pequenas Causas.
AssuntosProcesso de conhecimento
FonteANDRIGHI, Fátima Nancy. Processo de Conhecimento. Revista de processo, v. 20, n. 79, p. 154-157, jul./ set. 1995. Disponível em: <http://bdjur.stj.jus.br//dspace/handle/2011/19135>. Acesso em: 7 nov. 2011.
TipoArtigo
Ao citar o item, usehttp://bdjur.stj.jus.br/dspace/handle/2011/19135
Arquivo TamanhoFormato 
Processo_Conhecimento.pdf36.14 kBPDFVisualizar