TítuloQualificação do advogado para atuação perante os tribunais superiores
Autor(es)Alves, Eliana Calmon
Data de publicação23-05-2003
ResumoDiscorre sobre a formação dos profissionais da área jurídica no Brasil e a atuação dos advogados perante os Tribunais Superiores. Ressalta que a linha de ensino das faculdades de Direito não pode se direcionar a formação de causídicos. Deve formar bacharéis com uma boa base em Filosofia, Sociologia, Política e Economia, disciplinas básicas e indispensáveis e que na formação específica, não se pode direcionar para o Direito positivo apenas, devendo haver um compromisso maior com a teoria-geral de cada segmento. Enfatiza ainda que cabe à OAB acompanhar os bacharéis, seja pelo exame de ordem, seja nos cursos de aperfeiçoamento. Considera necessário um maior aperfeiçoamento técnico para atuação dos advogados nos Tribunais Superiores. Comenta proposta de limitação ao exercício da profissão, a fim de compatibilizar as exigências feitas aos componentes dos Tribunais com as direcionadas aos advogados que ali militam.
AssuntosAdvogado, formação profissional, Brasil
FonteALVES, Eliana Calmon. Qualificação do advogado para atuação perante os tribunais superiores. Brasília, DF, 2003. Disponível em: <http://bdjur.stj.jus.br//dspace/handle/2011/299>. Acesso em: 28 out. 2011.
TipoArtigo de revista
Ao citar o item, usehttp://bdjur.stj.jus.br/dspace/handle/2011/299
Arquivo TamanhoFormato 
Qualificação_Advogado_Atuação.pdf47.49 kBPDFVisualizar