TítuloA ordem é paz
Autor(es)Martins, Humberto Eustáquio Soares
Data de publicação2006
ResumoEnumera a delinqüência, a prostituição, o tráfico de drogas e demais formas de violência e insegurança como conseqüência das dificuldades de trabalho legalizado, em face do crescimento insuficiente da economia. Explica que nas cidades ocorrem com a mesma freqüência da invasão de propriedades na área rural e no interior, além das dificuldades de emprego, existe o problema da distribuição de terras, fruto da concentração fundiária que acontece no Brasil desde os primórdios do País como nação independente. Cita as três vertentes básicas através das quais será possível devolver à sociedade brasileira a segurança de que ela necessita para consolidar seus avanços institucionais e econômicos.
AssuntosPaz pública
Violência
Invasão de propriedade
FonteMARTINS, Humberto Eustáquio Soares. A ordem é paz. BDJur, Brasília, DF, 2006. Disponível em: <http://bdjur.stj.jus.br//dspace/handle/2011/8838>. Acesso em: 28 nov. 2011.
TipoOutros
Ao citar o item, usehttp://bdjur.stj.jus.br/dspace/handle/2011/8838
Arquivo TamanhoFormato 
A_Ordem_é_Paz.pdf20.95 kBPDFVisualizar